ARCO BRASIL
Atenção seguir as regras abaixo para comprar ou vender no fórum. Quem não seguir as regras será banido, tera os IPs bloqueados e tópico deletado. Sem exceção à regra!

Leia as regras no tópico abaixo:

http://arcobrasil.forumeiros.com/t42-regras-basicas-leia-com-atencao-antes-de-postar-um-topico
ARCO BRASIL

Fórum sobre Arco e Flecha (e tudo que for relacionado ao tema) para reunir todos os entusiastas deste esporte seja para competição ou lazer.
 
InícioCalendárioFAQMembrosRegistrar-seConectar-se

Compartilhe
 

 [Espécie] Pacu

Ir em baixo 
AutorMensagem
Cláudio Andrade

Cláudio Andrade

Mensagens : 40
Data de inscrição : 09/03/2012
Localização : Fortaleza, CE

[Espécie] Pacu Empty
MensagemAssunto: [Espécie] Pacu   [Espécie] Pacu Icon_minitimeSab Mar 10, 2012 9:14 am

Continuando as fichas, decidi falar sobre o pacu (Piaractus mesopotamicus).

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Características Físicas
Atingem pouco mais de 80 cm e 10kg e existem relatos de exemplares com até 20 kg. As principais diferenças para as demais espécies da subfamília Mylenae são a nadadeira anal com menos de 27 raios, ausência de um espinho pré-dorsal e os primeiros raios das nadadeiras maiores que os medianos. As cores variam do castanho ao cinza-escuro, conforme a época do ano. Na época da cheia, quando eles entram em campos alagados, escurecem e empalidecem ao permanecerem nas calhas de rios, principalmente os de água branca. O ventre vai do esbranquiçado ao amarelo ouro. Às vezes, o dorso pode apresentar tons de roxo ou azul escuro.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Ecologia
Seus hábitos alimentares variam de acordo com a época do ano e a oferta de comida. Consomem preferencialmente frutos, folhas, moluscos (caramujos), crustáceos (caranguejos) e até pequenos peixes, além de outros itens. Podem ser encontrados nas bacias Amazônica, Araguaia/Tocantins e do Prata. Vivem em campos alagados, corixos, lagoas marginais e também podem ser encontrados em calhas principais de rios, em poços próximos a margens.

Espécie típica de piracema, migra para áreas adequadas para reproduzir, crescer e desenvolver larvas. Não são capazes de subir quedas d'água com grandes desníveis e isso os torna típicos de regiões de planícies. Produzem grande quantidade de ovos e larvas, liberados na água e abandonados a sua própria sorte. Por isso, somente alguns - geralmente menos de 1% do total desovado - chegam à idade adulta. Não há distinção aparente entre machos e fêmeas, exceto a granulação da superfície da nadadeira anal na época da desova.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Pesca
Pacus criados geralmente não ficam muito grandes. Uma vara tamanho 5 ou 6 e linha de 0,20mm a 0,30mm é o bastante para ter sucesso em sua pescaria. Utilize anzóis de tamanho 2/0 ou maior, dependendo do tamanho dos Pacus naquela região. O uso de carretilhas e molinetes é totalmente opcional.

Se for pescar em ar livre, na natureza, lá esses peixes podem ser maiores, é considerável utilizar uma vara tamanho 6 e linha 0,30mm a 0,35mm. Anzóis de tamanho 2/0 ou 3/0 são o suficiente para fisgar os Pacus maiores tranquilamente.

Um empate de aço de uns 10 cm é necessário, pois o Pacu possuí dentes muito fortes que podem cortar a linha muito antes de você sentir a puxada.

Esses peixes têm hábitos alimentares muito variados. Comem de frutas a insetos e moluscos, então qualquer isca natural, massas ou viva, serve. Entre as iscas naturais o Pacu parece preferir as minhocas, massas com essência de minhoca ou massas que contenham de 22% a 30% de proteína. Pedaços de peixes maiores ou peixes pequenos também são ótimos nessa pesca. Dentre eles as Tilápias e Lambaris são os mais confiáveis.

Falando de iscas artificiais, as spinners e os sticks são as melhores para a pesca do pacu, embora seja difícil fisgar algum utilizando iscas artificiais se os peixes forem alimentados com ração ou massas, pois eles se acostumam a esse tipo de alimentação.

Como os Pacus costumam ”beliscar“ a isca antes de engoli-la, é importante deixar que o peixe carregue o anzol até certa distância. Se você simplesmente deixar a linha se esticar enquanto o peixe leva a isca, o anzol deslizará até a lateral da boca e se alojará lá, sendo assim somente necessária uma leve fisgada, só para confirmar.

Como as Tilápias, são peixes que correm em direção contrária a linha. Não saltam ou se arremessam contra objetos submersos, então não há muito com o que se preocupar.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Fontes
Pesca & Companhia
Como Pescar
Voltar ao Topo Ir em baixo
paulonofx

paulonofx

Mensagens : 116
Data de inscrição : 18/02/2012
Idade : 38
Localização : DF/Taguatinga

[Espécie] Pacu Empty
MensagemAssunto: Re: [Espécie] Pacu   [Espécie] Pacu Icon_minitimeTer Mar 13, 2012 11:45 pm

vi em um episodio, monstros do rio, do discovery que o pacu foi introduzido em outro pais acho que indonésia e la se tornou carnivo, ao ponto de atacar humanos, la foi apelidado de (cortador de bolas) imagina kkkkkkkkkkkkkk...

_________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.][Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
O arqueiro que ultrapassa o alvo falha tanto como aquele que não o alcança. -- Michel de Montaigne--
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[Espécie] Pacu
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Gestão da actividade cinegética na Ria de Aveiro
» Alterações de espírito e dúvidas

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
ARCO BRASIL :: Pesca com Arco e Flecha :: Pesca-
Ir para: